domingo, abril 19, 2009

DE VOLTA AO MUNDO FEUDAL

Os funcionários se "excederam?"

E "pode ser" que a empresa seja "multada"?

Desde quando socar e chicotear pessoas é "se exceder"? E desde quando agressão grave a dezenas de pessoas INOCENTES deve ser punida com multa?

Violência pura e plena, executada de forma sistemática e contínua não pode ser sinônimo de excesso, nem de desculpa para o governo ganhar mais um trocadinho, uma vez que se trata de algo inconcebível e injustificável.

Seguranças de uma estação de trem não podem, não devem e jamais deveriam ter pensado, quanto mais partido pra cima, das pessoas que se utilizam dos trens, pelo simples fato de os trem estarem superlotados - o que impediu que as portas dos mesmos fossem fechadas - já que a culpa da superlotação não é das pessoas que usam o trem, mas da empresa que oferece o serviço.

Portanto, cabe à mesma empresa parar de vender bilhetes após a lotação ser atingida, ao invés de enviar seus bárbaros bichos do mato em missão de captura e tortura de escravos em praça pública.

Será que já não basta que essas pessoas tenham que sair de casa às 5 da manhã para pegarem um trem lotado que os leva sem nenhuma segurança ou conforto aos seus respectivos locais de trabalho?

Se o número de pessoas que se unem pra assistir e discutir o Big Brother e o Campeonato Brasileiro de Futebol, se unisse pra manifestar, denunciar, abrir o berreiro nas ruas e votar direito: em pouco tempo não mais veríamos imagens absurdas como essas... ACORDA BRASIL!

Fonte:
http://www.youtube.com/watch?v=ZraH7mHfcCg&NR=1

Postar um comentário

Postagens populares