quarta-feira, março 18, 2009

LÍDERES ACÉFALOS
(PARTE V -
Papa condena o uso de camisinhas)



"O uso consistente e correto de camisinhas reduz o risco de infecção do HIV em 90%"
OMS - ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE


O papa Bento 16 afirmou, durante sua primeira visita à África, que distribuir preservativos não é a resposta para a luta contra o HIV-Aids. Em uma declaração a caminho de Camarões, o pontífice disse que oferecer camisinhas, ao contrário, “agrava o problema”.

Durante a viagem ao continente, o papa deve conversar com jovens sobre a epidemia de Aids e explicar a eles por que a Igreja recomenda a abstinência sexual como a melhor maneira de evitar o alastramento da doença.

A Organização Mundial de Saúde já rebateu anteriormente críticas de representantes da Igreja ao uso de preservativos dizendo que informações erradas sobre o assunto são perigosas porque "a epidemia já matou mais de vinte milhões de pessoas e atualmente afeta pelo menos 42 milhões”. A organização diz ainda que o uso “consistente e correto” de camisinhas reduz o risco de infecção do HIV em 90%.

Postar um comentário

Postagens populares